Skip to main content

O mar de Patrícia Carparelli na New Gallery

A artista paulistana, que pesquisa o mar e sua fluidez, aplica técnicas de arteterapia em pinturas e esculturas

O mar de Patrícia Carparelli na New Gallery

A fluidez da água inspira os traços orgânicos de Patrícia Carparelli. O processo criativo da artista parte de uma autoanálise em movimentos internos e externos, focados nas relações e no tempo. A exposição individual Mar Expandido, que acontece na New Gallery a partir de 15 de agosto, com curadoria da Kura Arte, reúne mais de 140 pinturas recentes e uma instalação imersiva de esculturas de vidro. A artista, que tem como inspiração o mar e as demais paisagens da natureza, usa a arteterapia como fio condutor de sua produção plástica. Leia+Mais→

Sueli Dabus abstrata

A arte de renovar sensações com os quadros abstratos / Por Oscar D’Ambrosio

Sueli Dabus

A concha (80 x 120) 2009

É comum se perguntar se quadros abstratos para sala de jantar ou de estar precisam ter alguma característica essencial. Quando se está perante a uma artista como Sueli Dabus, esta pergunta perde a relevância, pois aquilo que se vê fala por si.

Um quadro abstrato para a sala necessita fundamentalmente de três características: o trabalho com as tonalidades da cor, a pesquisa técnica e o mergulho no universo das formas. Os três elementos se articulam de maneira a construir expressões visuais que encantam o observador. Leia+Mais→

Luciane Levinton investiga Lina

Galeria Arte Aplicada, em parceria com o Consulado da Argentina no Brasil, inaugura a exposição “Depois da Arquitetura” de Luciane Levinton, pinturas que expõem uma investigação sobre a obra de Lina Bo Bardi

A artista argentina Luciana Levinton considera a arquitetura como objeto de suas pinturas. Plantas e cortes de edifícios de várias épocas e lugares se fundem em paisagens que distorcem e às vezes devoram as linhas do desenho. A pintora absorve os elementos da arquitetura deixando de lado a racionalidade das construções para gerar uma imagem onde a referência se transforma em pista ou ocupa a superfície como pegada, inclusive muitas vezes se faz fumaça. Leia+Mais→

Sociedade Alternativa de Sergio Free

Sergio Free surpreende com sua nova individual “Sociedade Alternativa” na galeria Alma da Rua, em São Paulo

A mostra apresenta obras que retratam cenas que remetem às fotografias da arquitetura da periferia paulistana, mostrando a degradação e falta de cuidados tanto dos donos de imóveis quanto do governo, com suas paredes com tinta antiga, pichadas, calçadas quebradas. Um dos personagens que quebram a cena na pintura, um palhaço retrô, em uma crítica a nossa sociedade: onde vivemos, onde queremos viver e o que queremos do futuro de nossa cidade? Leia+Mais→